OS 5 PROBLEMAS QUE PODEM ARRUINAR O SEU INVESTIMENTO EM UMA FRANQUIA

Compartilhe este post

Share on facebook
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Abrir uma franquia é o sonho de muitos empreendedores. Ter a oportunidade de adquirir um modelo de negócio já formatado e que dê um bom retorno financeiro certamente vai encurtar o caminho para que o empreendedor obtenha lucros, especialmente se for uma franquia com uma marca consolidada no mercado.

Entretanto, infelizmente é comum que muitos empreendedores tenham seu sonho interrompido após a abertura da franquia, por encontrar condições operacionais e de mercado totalmente diversas do que foi divulgado pelo franqueador antes da contratação da franquia, mas que poderiam ter sido mapeadas antes mesmo de se assinar o contrato através de uma consultoria especializada.

Se você está pensando em abrir uma franquia e quiser mitigar o máximo possível o risco do seu investimento, estou aqui para lhe falar que você está no lugar certo para preservar seus direitos e, nós, do Lage Cardoso e Angelo Advogados, temos um núcleo especializado em assessoria consultiva e preventiva exclusiva para o franqueado, e estamos aqui para te ajudar a fazer uma boa escolha na aquisição da sua franquia.

A importância de receber uma assessoria jurídica prévia qualificada encontra várias razões. A primeira dela é que o franqueador conta com uma equipe técnica e qualificada que desenhou toda a franquia e documentação para garantir primordialmente os interesses do franqueador, e não do franqueado.

Ao franqueado na maioria dos casos cabe tão somente aderir ou não aos termos impostos pelo franqueador. Mas sem experiência, sem conhecer requisitos legais que o franqueador deve cumprir e sobretudo, sem conhecer o histórico de problemas da franquia, o franqueado acaba ficando à mercê das informações passadas pelo franqueador através da equipe de vendas, que fazem o possível e o impossível para que o empreendedor tome logo a decisão de contratar a franquia.

Vou te falar agora os principais problemas que detectamos ao longo de anos de assessoria exclusiva para franqueados e que podem impactar severamente o sucesso de uma loja franqueada.

1-            É muito comum que a estimativa de investimento divulgada pelo franqueador não seja realista. Conhecer os meandros que envolve uma determinada franquia é de extrema importância para que você saiba se eventuais imprevistos ou aumento nos gastos à título de investimentos não vão colocar o negócio em risco desde o primeiro momento.

Rotineiramente atendemos empreendedores que enfrentaram gastos de até 80% acima do que foi divulgado pelo franqueador a título de investimentos e só conseguiram finalizar as obras após contrair empréstimos, inclusive para que tivessem capital de giro. Na grande maioria são empreendedores que não tiveram qualquer assessoria jurídica ou, quando muito, esta se limitou tão somente a aspectos técnicos do contrato.

Agora pense comigo: se o investimento efetivamente realizado na franquia extrapola a estimativa do franqueador, é claro que o Payback (tempo de retorno do investimento) também fica comprometido. Diga-se de passagem, essas projeções feitas pelo franqueador são baseadas nos melhores cenários, ou seja, um investimento em linha com a estimativa, um faturamento e margem de lucro com base na estimativa. A matemática é implacável e qualquer deslize nesses números pode comprometer todo o seu investimento.

Em anos assessorando centenas de franqueados e potenciais franqueados, possuímos uma base de dados extremamente valiosa para que você já saiba de antemão a extensão dos riscos de forma a preservar ao máximo o seu capital e, se optar por aderir ao risco,  qual seria a “profundidade do rio que você optou por mergulhar”.

2-            Infelizmente, também é muito comum encontrar franquias que nem de perto faturam o que é divulgado pelo franqueador e, mais uma vez, esse fator vai ser crucial para garantir, no mínimo, o retorno do seu investimento, levando em consideração que a maioria dos contratos de franquia são feitos pelo período de 5 (cinco) anos.

3-            Outro fator que impacta muito no sucesso do empreendimento diz respeito ao suporte e treinamento deficitário por parte do franqueador.   Não raro nos deparamos com situações em que o franqueador prestou um treinamento básico ao franqueado em uma única ocasião, deixando-o à deriva em momentos posteriores. Às vezes, esse treinamento se limita ao aprendizado de uso de sistemas de computador e uma rápida passada em situações operacionais da loja. É aqui que o franqueado mais uma vez acaba cometendo equívocos por falta de assessoria, pois acaba assinando documentos afirmando que recebeu os treinamentos de forma suficiente e adequada, o que acaba por isentar o franqueador futuramente de questionamentos.

4-            É comum também encontrar nos documentos apresentados pelo franqueador, em especial a Circular de Oferta de Franquia, informações falsas e omissas. São informações muitas vezes cruciais para a tomada de uma decisão por parte do candidato à franquia com base em dados reais.

Essa ocorrência é bastante comum, e não está restrita a franquias de pequeno porte. Para se ter ideia, atendemos recentemente um caso em que uma rede de Fast Food com mais de 1000 lojas em território nacional que apresentou para uma ex-franqueada uma COF com dezenas de dados falsos e omissos. O prejuízo dela superou a casa dos R$ 2.000.000,00 (dois milhões de reais) e não contou com assessoria jurídica prévia ao fechamento do contrato de franquia. Neste caso, como não houve prevenção, foi necessário remediar e acionar a franquia judicialmente para reaver os prejuízos sofridos.

5-            Por fim, encontramos também muitos problemas com relação à deficiência ou inexistência de Marketing, fornecedores homologados que praticam preços acima da média do mercado (Overpricing), margem de lucro dos produtos ou serviços vendidos calcadas em dados falsos, além cláusulas contratuais que acabam passando despercebidas e que podem trazer sérias desvantagens competitivas para o franqueado e inviabilizar o sucesso do empreendimento.

É importante esclarecer que nós mencionamos apenas alguns dos problemas enfrentados por franqueados e que devem ser foco de muita atenção por parte daqueles que pretendem contratar alguma franquia, especialmente para aqueles que não possuem qualquer experiência no ramo.

Caso você esteja pensando em contratar uma franquia, é de extrema importância que você seja assessorado por um corpo jurídico qualificado e experiente no ramo. Você definitivamente não deve se pautar apenas em cláusulas contratuais e em dados fornecidos pelo franqueador para tomar uma decisão que pode significar o seu sucesso ou ruína financeira, tampouco contratar uma assessoria jurídica sem qualificação, que muitas vezes vai se ater a meras análises de cláusulas contratuais do contrato de adesão.

Nossa equipe, além de possuir alta capacitação técnica e experiência em assessoria e consultoria jurídica voltadas exclusivamente para franqueados, além de analisar todos os aspectos formais dos contratos e da COF, sugerindo alterações e apontando riscos, faz também pesquisas de mercado cruciais e essenciais para que o empreendedor tome a decisão correta e avance nas tratativas com o franqueador. Muitos dos nossos clientes já decidiram por sequer avançar nas tratativas com o franqueador tão somente com base nesses dados coletados por nossos colaboradores e histórico de problemas que possuímos com relação a centenas de franquias.

Como visto, os problemas que podem surgir ao contratar uma franquia são muitos, e é desejável que o empreendedor conte com uma assessoria jurídica qualificada para preservar o máximo possível seu investimento. Aliás, uma boa assessoria jurídica não representa um gasto, e sim um investimento essencial para preservar seu capital e sua saúde mental, mitigando riscos e expondo problemas de forma antecipada para que você saiba exatamente os riscos que está prestes a assumir.

Se você possui interesse em contratar qualquer franquia, lembre-se de tudo que foi dito através deste breve artigo. Nossa equipe atua em todo o território nacional e não mede esforços para municiar nossos clientes com informações valiosas e essenciais para o sucesso do empreendimento.

Nosso foco é o seu resultado!

Ficou com alguma dúvida? Fale agora com a nossa Equipe!

Artigo elaborado por Lage Cardoso e Angelo Advogados

Contato: (31) 98260-2010

Se inscreva em nossa Newslatter

Fique atualizado e por dentro de tudo que acontece no direito

Outras postagens

document, agreement, documents-428334.jpg
Franchising

CIRCULAR DE OFERTA DE FRANQUIA: O QUE DEVE CONSTAR NO DOCUMENTO E QUAIS OS CUIDADOS QUE CANDIDATO À FRANQUIA DEVE TOMAR

A circular de oferta de franquia, comumente chamada de COF, é o documento pelo qual estabelecemos nosso vínculo com a franqueadora, estabelecendo as exatas condições de instalação e existência da nossa franquia. Por experiência própria e conhecendo os inúmeros problemas que cercam a questão,  é altamente aconselhável que conte com uma assessoria jurídica de qualidade

survey, feedback, evaluation-7046888.jpg
Franchising

DICAS PARA ABRIR UMA FRANQUIA: A IMAGEM DO NEGÓCIO PERANTE OS CONSUMIDORES

Talvez uma das partes mais importantes de um negócio é a imagem que aquela empresa tem e passa para os consumidores. Afinal, pode ser que você tenha um produto brilhante, mas nada disso adiante se ele não vender por conta da falta de visibilidade ou da má visibilidade da sua empresa. Pensando nisso, nós da

Rolar para cima